Breaking

Literatura | Conto | Pescaria inesperada.

    Uma certa manhã Rosane chamou seu pai e mãe para irem ao rio pescar, era sexta feira ela queria comer peixe assado na brasa. Josélio e Ana acharam estranho a menina querer comer peixe, ela não gostava dos peixes de água doce, mas resolveram atender o pedido da filha, depois do almoço iremos vamos cuidar dos afazeres e depois iremos seu irmão chega da cidade e deve querer ir conosco. Depois do almoço Dionizio chegou e trouxe umas guloseimas para irmã ela adorava chocolates e maria mole, o rapaz trabalhava vendendo leite e seus derivados, a família fabricava iogurtes, manteiga, requeijão. O moço havia se formado em administração, mas cuidava das vendas dos produtos, ele tinha boa aparência o que ajudava muito, Rosane só tinha 10 anos e estudava na escola rural, a família unida e com tudo preparado estavam quase a sair quando chegaram um casal de sobrinhos de Ana, haviam trago consigo mais dois amigos atrasaram um pouco a pescaria a mulher serviu almoço as visitas para depois irem. Quando conseguiram sair já passava das 15 horas, a menina estava aflita, seu pai achou muito estranho a vontade repentina de comer peixe que Rosane sentiu.
    Dionizio ao ver a menina toda feliz comendo seu chocolates e jogando as farinhas pros peixes pensou quão bom é ser criança, não pensam no futuro e nem preocupam com nada, eu queria voltar no tempo, estou com 30 anos ainda estou solteiro meus pais estão envelhecendo preciso me casar, os amigos de seus primos estavam tomando uma cerveja e assando o primeiro peixe pescado, fizeram uma fogueira nas pedras e assaram na brasa, ele pensou nem tomar uma cerveja eu posso, preciso observar minha irmã e meus pais, quando eu chegar em casa vou tomar umas e comer carne de lata, ao contrário deles. Depois de boas horas no rio tinham pescado bastante peixes, entre eles traíras e dourados, a menina havia comido bastante peixe junto com os primos, estava contente e disse a mãe podemos ir eu comi o peixe como queria, nem precisa levar mais para casa, olha menina eu vou levar e vamos comer todos, ficará uma delícia. Josélio disse ao filho busque as cervejas e coloque para gelar, sua mãe está fazendo uma peixada da hora, o rapaz disse mãe quero carne de lata pode fazer para mim, as visitas continuavam bebendo e comiam azeitonas e queijo, Rosane olhando a família alegre com as visitas pensou, acho que vou beber uma cerveja escondido nem irão perceber, e também eu estou muito feliz hoje parece até que vou morrer, ouvi dizer que quando vai morrer fica feliz antes. Ana perguntou o que faz escondida aqui filha? Não conte a papai estou bebendo um copo de cerveja, acho que vou morrer pois estou muito feliz, filha por favor não diga isto, e pare de beber, é uma criança não pode, chamou pelo marido e foi terminar o jantar.
     Josélio explicou a filha que crianças não devem tomar bebida alcoólica pois faz a mal à saúde e coisas assim, a menina entendeu e disse eu vou morrer é por isso? Não filha a gente só morre quando Deus determina, sendo assim vamos comer que está na mesa. Tarde quando todos dormiam a menina levantou foi no quarto de sua mãe e ajoelhou diante do oratório e começou rezar pedindo pra Deus não determinar sua morte na aquela noite, ela queria ver seu irmão casando queria ser dama de honra, o pai acordou em meio as palavras da filha, assustado acordou a esposa, ficaram ouvindo as orações da filha, ficaram preocupados que ideia fixa de morte seria esta, a mulher começou chorar temendo pela vida da criança, mas o marido acalmando disse, vamos deixar amanhã nós falaremos com ela, a menina terminou e voltou pra cama. De manhã durante o café Rosane disse a seu irmão trate de arranjar um casamento quero ser dama e depois que crescer não posso, sem palavras o rapaz tentou explicar que antes precisa namorar e ter muito amor depois de conhecer bem que se casa. Depois de muita explicação ela entendeu, agora é sua vez de explicar essa história de morrer, sabe eu estava assistindo TV ontem e vi um homem dizendo que quando a gente sente vontade de fazer algo que nunca fez, e quando se sente feliz é porque vamos morrer breve, mas que absurdo maninha, este homem não sabe o que disse, ninguém morre por que desejou algo diferente ou está feliz. Nunca mais pense assim, é apenas uma criança com muita vida pela frente, e quando eu me casar será minha dama de honra mesmo estando crescida, eu dou um jeito. A família se abraçou e sorriram estavam felizes morreriam todos então? Não mãe eu entendi morremos um pouquinho por dentro quando desistimos de viver por alguma razão, eu quero viver é muito e bem sempre ao lado da família mais linda deste mundo.

Texto da escritora Luzia Couto. Direitos Autorais Reservados a autora. Proibida a cópia, colagem, reprodução de qualquer espécie ou divulgação de qualquer natureza, do todo ou parte dele sem autorização prévia e expressa da autora. Os Direitos estão assegurados nas Leis brasileiras e internacionais de proteção à propriedade intelectual e o desrespeito estará sujeito à aplicação das sanções penais cabíveis. 

One morning Rosane called his father and mother to go to the river to fish, it was Friday she wanted to eat baked fish on the grill. Josélio and Ana found odd girl want to eat fish, she did not like freshwater fish, but decided to meet the request of his daughter, after lunch we'll take care of business and then will his brother arrives from the city and might want to go with us. After lunch Dionizio arrived and brought some goodies to sister she loved chocolates and soft maria, the boy worked selling milk and milk products, the family manufactured yogurt, butter, cream cheese. The boy had graduated in administration, but took care of the sales of the products, he had good looks which helped a lot, Rosane only was 10 years old and studying in rural school, united and with everything prepared family were about to leave when they arrived a couple of Ana nephews, had two friends bring with delayed a little fishing women served lunch visits and then go. When made it out was after 15 hours, the girl was upset, his father found it strange the sudden urge to eat fish that Rosane felt.
    Dionizio to see all happy girl eating her chocolates and playing the fish pros flours thought how good being a child, do not think in the future and do not care about anything, I wanted to go back in time, I'm 30 years old I am still single parents are aging I need to get married, friends of his cousins ​​were having a beer and baking the first fish caught, built a fire on the stones and baked in the coals, he thought not a beer I can, I have to watch my sister and my parents when I get at home I will take a can and eat meat, unlike them. After good hours on the river had caught enough fish, including traíras and gold, the girl had eaten enough fish along with his cousins, he was happy and told the mother can go I ate the fish as wanted, or need to take more home, looking girl I'll take and we eat all, will be a delight. Josélio told his son to fetch the beer and place to chill, her mother is doing an hour's fish stew, the boy said mother want to can meat can do to me, the visitors were still drinking and eating olives and cheese, Rosane looking at joyful family with the thought visits, I think I'll drink a beer or hidden will realize, and I'm also very happy today seems to I die, I heard that when going to die is happy before. Ana asked what is hidden here daughter? Do not tell Dad I'm drinking a glass of beer, I think I'll die because I am very happy, please do not tell this daughter, and stop drinking, is a child can not, called her husband and was finishing dinner.
     Josélio explained the daughter that children should not drink alcohol because it does harm to health and things like that, the girl understood and I said I will die is why? No daughter we only die when God determines, so we eat what's on the table. Afternoon when everyone was sleeping girl raised was in his mother's room and knelt before the shrine and began to pray asking for God does not determine his death on that night, she wanted to see his brother married wanted to be bridesmaid, father woke up in the middle of the daughter of words, scared woke his wife were listening to her daughter's prayers, they were concerned that fixed idea of ​​death would be this, the woman began to cry fearing for the life of the child, but her husband quieting said, we will leave tomorrow we'll talk to her, the girl finished and went back to bed. In the morning during breakfast Rosane told his brother it's arranging a marriage want to be lady and after that can not grow without words the boy tried to explain that before precise dating and having a lot of love after knowing well that house. After much explanation she got it, now is your time to explain this story to die, you know I was watching TV yesterday and saw a man saying that when we feel like doing something I never did, and when you feel happy is because we die soon, but that absurd little sister, this man does not know what he said, no one dies for that desired something different or is happy. Never think so, it's just a kid with a lot of life ahead, and when I get married will be my bridesmaid even though grown up, I'll manage. The family hugged and smiled were happy all die then? No mom I did die a little inside when we give up to live for some reason, I want to live is very good and always beside the most beautiful family in the world.


Luzia Couto writer of the text. Copyright reserved to the author. The copying, collage, reproduction or disclosure of any kind whatsoever, the whole or part without the prior and express authorization of the author. Rights are guaranteed in the Brazilian and international laws of intellectual property protection and disrespect will be subject to the application of appropriate penalties.

Una mañana Rosane llamó a su padre y madre para ir al río a pescar, que era viernes que quería comer pescado al horno en la parrilla. Josélio y Ana encontraron extraña muchacha quiere comer pescado, que no le gustaba el pescado de agua dulce, pero decidieron responder a la petición de su hija, después del almuerzo nos ocuparemos de negocio y luego a su hermano llega desde la ciudad y puede ser que quiera ir con nosotros. Después del almuerzo Dionizio llegó y trajo algunas cosas a la hermana le gustaban los chocolates y maria suave, el muchacho trabajó vendiendo la leche y los productos lácteos, el yogurt fabricado familia, mantequilla, queso crema. El muchacho se había graduado en administración, pero se hizo cargo de las ventas de los productos, que tenía buena apariencia que nos ayudó mucho, Rosane sólo era de 10 años y estudio en la escuela rural, unida y con la familia todo preparado estaban a punto de salir cuando llegaron un par sobrinos de Ana, tenían dos amigos traer un poco de retraso mujeres de la pesca sirven visitas de almuerzo y luego ir. Cuando se hizo que fuera después de 15 horas, la niña estaba muy triste, su padre encontró extraño el repentino deseo de comer pescado que Rosane sentía.
    Dionizio para ver toda la muchacha feliz comiendo sus chocolates y tocando las harinas pros peces pensaban lo bueno de ser un niño, no piensa en el futuro y no se preocupan por nada, quería ir atrás en el tiempo, Tengo 30 años de edad todavía estoy padres solteros están envejeciendo necesito para casarse, amigos de sus primos estaban teniendo una cerveza y hornear el primer pez capturado, encendido un fuego en las piedras y cocido en las brasas, él no pensó una cerveza que puedo, tengo que ver a mi hermana y mis padres cuando llegue en casa voy a tomar una lata y comer carne, a diferencia de ellos. Después buenas horas en el río habían cogido suficiente pescado, incluyendo traíras y el oro, la niña había comido suficiente pescado junto con sus primos, que estaba feliz y le dijo a la madre puede ir comí el pescado tan querido, o la necesidad de tomar más en casa, la muchacha de mirada voy a tomar y comer de todo, será una delicia. Josélio dijo a su hijo a buscar la cerveza y el lugar para relajarse, su madre está haciendo estofado de pescado de una hora, el chico dijo que la madre quiere puede carne puede hacer para mí, los visitantes aún estaban bebiendo y comiendo aceitunas y queso, Rosane mirando familia alegre con las visitas de pensamiento, creo que voy a beber una cerveza o escondido darán cuenta, y también estoy muy feliz hoy parece que me muera, me enteré de que cuando se va a morir es feliz antes. Ana le preguntó lo que está oculto aquí hija? No decirle a papá que estoy bebiendo un vaso de cerveza, creo que voy a morir porque soy muy feliz, por favor no diga esta hija, y dejar de beber, es un niño no puede, llamó a su marido y estaba terminando la cena.
     Josélio explicó la hija que los niños no deben beber alcohol, ya que hace daño a la salud y cosas por el estilo, la chica comprendió y me dijo que voy a morir es la razón? Sin hija que sólo muere cuando Dios determina, por lo que comer lo que hay en la mesa. Tarde chica cuando todos estaban durmiendo planteado estaba en la habitación de su madre y se arrodilló ante el altar y comenzó a orar pidiendo a Dios no determina su muerte en esa noche, ella quería ver a su hermano casado querido ser la dama de honor, el padre se despertó en medio de la hija de palabras, asustado despertó a su esposa estaban escuchando las oraciones de su hija, que estaban preocupados de que la idea fija de la muerte sería esto, la mujer comenzó a llorar temiendo por la vida del niño, pero su marido quieting dijo, vamos a salir mañana hablaremos con ella, la chica terminó y volvió a la cama. Por la mañana, durante el desayuno Rosane dijo a su hermano que es la organización de un matrimonio quiere ser señora y después de eso no puede crecer sin palabras, el niño trató de explicar que antes de datación precisa y tener un montón de amor después de conocer bien la casa. Después de mucha explicación lo consiguió, ahora es su tiempo para explicar esta historia de morir, tú sabes que yo estaba viendo la televisión ayer y vio a un hombre que dice que cuando tenemos ganas de hacer algo que nunca hice, y cuando se sienta feliz es porque morir pronto, pero que la hermana poco absurdo, este hombre no sabe lo que dijo, nadie muere para que algo diferente o se desea es feliz. Nunca pensar que sí, que es sólo un niño con mucha vida por delante, y cuando me case será mi dama de honor, aunque crecido, me las arreglaré. La familia abrazó y sonrió estaban felices todos mueren, entonces? Sin madre que hice morir un poco en el interior cuando renunciamos a vivir por alguna razón, yo quiero vivir es muy bueno y siempre al lado de los más bellos de la familia en el mundo.

Luzia Couto escritor del texto. Los derechos de autor reservado al autor. La copia, el collage, reproducción o divulgación de cualquier tipo que sea, la total o parcial sin la autorización previa y expresa del autor. Derechos están garantizados en las leyes nacionales e internacionales de protección de la propiedad intelectual y la falta de respeto estarán sujetos a la aplicación de sanciones apropiadas

Busque por Tag

. desejo ardente # você sabia #2016 #a discussão das frutas #a distancia #a família que fazia pães. #a professora da zona rural #a viagem de Vitor #açucar #adrielli #água #ajuda #ajuda. #alimentação #amor #amor criança. #amor em família #amor forte #amor que morre #amor# essencia #amor#saudade #amores. #Artigo #aventura #aventura # no # bosque #aventuras #aventuras. #beleza #beleza. #beleza.#curiosidades. #bicarbonato #boas festas. #brasileira #buquê #buquê de rosas#e crisântemos.# #cabelos #cereais #céu sem estrelas #chá caseiro #chuva. #comportamento #Compositora #conto #contos #contos. #contos#historias#romances#aventuras#ficção #contos#historias#romances#aventuras#informação #contos#historias#romances#aventuras#informação. #contos#historias#romances#aventuras#informação#ficção #coração sofredor #coração solitário #corações #culinaria #curiosidade #curiosidades #curiosidades. #curiosidaes #diante do sol #dica #dicas #dicas #curiosidades #dicas. #dicas#culinária #doce olhar #Doiscaminhos #escritoraluziacouto #estrada. #ficção #ficção. #flores #flores. #fogodas paixões #folhas #guerras e paz #historia #historias #homenagem #incertezas #incertezasrazões #infância #informação #insônia #jardim. #lembranças #liberdade #limão. #litaratura #literartura #literatura #livros #luziacouto. #maio #maquiagem #maquiagem. #Maranhão #Maria #Matéria #mensagem #mesmo que eu peça #milagre #mulher #mulher. #Música #natal #natureza #nobre coração #noite #noivas#maria #o homem que dizia não acrediatr em Deus #olhos #onde mora a saudade #os olhos apaixonados #papel alumínio #pedras no caminho #pensamentos #pensamentos2 #pensando #poema #poesia #pratos #prosa #receita #receitas #receitas #dicas#culinária #reflexão #romance #romance. #romances #romances. #romances.. #rosa #roxa # orvalhada #rosas #roseiras em aquarela #saúde #saúde.#contos. #sementes #sentimentos #sol #solidariedade. #sonhos #tempo. #terceira idade #terra #tipicos#Minas #truque #truques #truques. #uso #verão #versos #vida #vinagre #você sabia #você sabia. #Vulcão A saga do heróico povo brasileiro Alegria no porvir Alimento Alimentos Amigo fiel Amigos amor Amor de aço Amor de vida Aos nossos leitores arte avenida brasil bienal do livro em Aracaju Blogosferas BlogUpp BlogUpp the best of world Bravo sertanejo Brazil Tony Casanova Brazilian Literature careteira de habilitação Choro da liberdade cnh Conto Conto A mala de Juca Pitão crônica cultura Descrição da vida Dica Dicas para leitores Esperança Estória etiquetas sociais para redes sociais Falsidade Ficção formula formula do amor Humor Indicados Informações úteis Isabella literartura literatura Mãe é assim Melhor blogosfera Meninos de Aracajú Menopausa Milho Minha cor minha flor Minha princesa encantada novela das nove o que eles precisam saber sobre elas opinião Perfeita Plumas da alma poema no limiar da primavera poesia Poet of Sergipe Por quem chora a vela Prosa qual imagem voce deixa de si mesmo Rosa do desejo Selma Mendonça será? Sonhos largados Telenovela avenida brasil Tempo Texto texto tudo começa no primeiro gole Valdira Figueiredo Egoismo Verso vida Voto o quarto poder