Breaking

Conto - "A mala de Juca Pitão".


Hoje vou contar a voces a estória de Juca Pitão, um homem simples, apesar de já ter morado nos estrangeiros lá pelas bandas dos States, numa cidadezinha do interior de lá. Antes de começar eu vou dizer que este causo tinha tudo pra ser verídico, mas não é. Qualquer semelhança com algum cabrinha desconfiado por aí, terá sido meríssima coincidência. Seis meses após Juca ter voltado ao nosso bom e velho Nordeste brasileiro, tratou de de ir visitar o inseparável primo Tonho, que morava no seu lugar. Encontraram-se, abraços, tapas de macho nas costas um do outro, aquela coisa toda. Conversa vai, conversa vem, risos soltos, alegria de ver o primo. Estavam ali naquele papo bom quando o carteiro, seu Roque, gritou lá da porta: Óia carta pro seu Juca! Vixe maria carta? De quem será? Pensou Juca. Foi lá ver. Primo Tonho já quebrando os olhos na carta, curioso e chimão que só gato em beira de pia cheia de peixe. Diz logo primo, quem foi que mandou a tal carta, diz! Apressou-se Tonho que se esgueirava para ver as letras, mas não atinava nada, nem sabia ler o pobre de Cristo. Juca leu, releu e finalmente disse: É primo Tonho, tô triste. Num foi notícia das boas não. - Afff conta logo homem de deus, conta peste! Berrou Tonho. Então, num ar sério, continuou Juca Pitão: - tia Normélia, aquela lá dos States, morreu. - Uche! Tá doido, foi mesmo primo? De que? Aqui na carta não diz, mas diz que ela me deixou uma herança, tadinha. Retrucou Juca. E o que é primo, diz, diz. Tonho já esfregava as mãos e crescia os olhos para saber que tal herança era aquela. Juca responde - Sei não Tonho, aqui diz que vai chegar em breve algo para mim vindo dos estrangeiros e eu devo ir documentado pegar no aeroporto. Finda a conversa aqui. Duas semanas depois chega um telegrama pedindo a Juca que fosse retirar um volume no aeroporto e que deveria estar devidamente documentado. Lá se foi ele. De retorno primo Tonho ansioso na porta. Primo, cadê homem? Juca pegou um enorme embrulho no porta-malas do táxi e levou-o para dentro onde abriu diante do olhar curioso do primo. Ô peste, uma mala! Gritou Juca. Calma primo, tá fechada,vamos abrir e ver o que tem dentro. Disse Tonho. Abriram e qual nada! O diacho da mala tava cheínha de problemas. Era problema de tudo quanto era tamanho, jeito e qualidade. Uma mala enorme de problemas. Juca xingou tanto a Tia Normélia que a coitada deve ter revirado no túmulo. Onde já se viu! Deixar uma mala cheia de problemas como herança? Aquela infeliz! Xingava Juca. Mas o primo Tonho era inteligentíssimo e teve uma idéia. Primo, já sei - Disse ele. Sei como voce se livra da mala e dos problemas. Fala logo miserável, fala, desembucha este diabo de idéia porque eu já tô é troncho de raiva daquela lazarenta da tia Normélia! Tonho então resolveu contar ao primo sua idéia genial. Primo Juca, voce fecha a mala, lacra ela direitinho e vende ela pra algum trouxa comprar. Vende ela num leilão destes qualquer. Mas tem que ser lacradinha da silva! Eita macho sabido da peste! Gritou Juca, que até esqueceu a raiva que tava da tia.
- É isso mesmo que vou fazer, me ajuda primo, me ajuda que é agorinha mesmo que vou lacrar esta desgraça de mala. Fizeram direitinho, lacraram e foram no leilão. Lá chegando o oficial leiloeiro perguntou algumas coisas, preencheu uma ficha e perguntou: Qual o nome que vão dar ao volume senhores? - Juca olha para o primo e manda: E ai primo Tonho, alguma idéia pra nós batizar a tal mala? Tenho sim, respondeu ligeiro o primo. Não é uma mala cheínha de problemas? Dos grandes, dos pequenos, de tudo quanto é jeito e qualidade? Num tem problema aí que só Jesus pra resolver? Então, vamos chamar a mala de Brasil. Dito isto Tonho recebeu um inusitado abraço de Juca Pitão, que sorridente disse ao primo: Voce é dos meus, primo. Sabido que só, faz gosto estar na amília. E foi assim que Juca Pitão livrou-se da indigesta mala deixada para ele como herança de uma tia maluca. ( Por Tony Casanova - Todos os Direitos Reservados ao autor - Proibida a cópia sem autorização prévia)
Authentic Blog, featured by BlogUpp

Busque por Tag

. desejo ardente # você sabia #2016 #a discussão das frutas #a distancia #a família que fazia pães. #a professora da zona rural #a viagem de Vitor #açucar #adrielli #água #ajuda #ajuda. #alimentação #amor #amor criança. #amor em família #amor forte #amor que morre #amor# essencia #amor#saudade #amores. #Artigo #aventura #aventura # no # bosque #aventuras #aventuras. #beleza #beleza. #beleza.#curiosidades. #bicarbonato #boas festas. #brasileira #buquê #buquê de rosas#e crisântemos.# #cabelos #canção. #cereais #céu sem estrelas #chá caseiro #chuva. #comportamento #Compositora #conto #contos #contos. #contos#historias#romances#aventuras#ficção #contos#historias#romances#aventuras#informação #contos#historias#romances#aventuras#informação. #contos#historias#romances#aventuras#informação#ficção #coração sofredor #coração solitário #corações #culinaria #curiosidade #curiosidades #curiosidades. #curiosidaes #diante do sol #dica #dicas #dicas #curiosidades #dicas. #dicas#culinária #doce olhar #Doiscaminhos #entardecer. #escritoraluziacouto #estrada. #ficção #ficção. #flores #flores. #fogodas paixões #folhas #guerras e paz #historia #historias #homenagem #incertezas #incertezasrazões #infância #informação #insônia #jardim. #lembranças #liberdade #limão. #litaratura #literartura #literatura #livros #luziacouto. #maio #maquiagem #maquiagem. #Maranhão #Maria #Matéria #mensagem #mesmo que eu peça #milagre #mulher #mulher. #Música #natal #natureza #nobre coração #noite #noivas#maria #o homem que dizia não acrediatr em Deus #olhos #onde mora a saudade #os olhos apaixonados #papel alumínio #pedras no caminho #pensamentos #pensamentos2 #pensando #poema #poesia #pratos #prosa #receita #receitas #receitas #dicas#culinária #reflexão #romance #romance. #romances #romances. #romances.. #rosa #roxa # orvalhada #rosas #roseiras em aquarela #saudade #saúde #saúde.#contos. #sementes #sentimentos #sol #solidariedade. #sonhos #tempo. #terceira idade #terra #tipicos#Minas #truque #truques #truques. #uso #verão #versos #vida #vinagre #você sabia #você sabia. #Vulcão A saga do heróico povo brasileiro Alegria no porvir Alimento Alimentos Amigo fiel Amigos amor Amor de aço Amor de vida Aos nossos leitores arte avenida brasil bienal do livro em Aracaju Blogosferas BlogUpp BlogUpp the best of world Bravo sertanejo Brazil Tony Casanova Brazilian Literature careteira de habilitação Choro da liberdade cnh Conto Conto A mala de Juca Pitão crônica cultura Descrição da vida Dica Dicas para leitores Esperança Estória etiquetas sociais para redes sociais Falsidade Ficção formula formula do amor Humor Indicados Informações úteis Isabella literartura literatura Mãe é assim Melhor blogosfera Meninos de Aracajú Menopausa Milho Minha cor minha flor Minha princesa encantada novela das nove o que eles precisam saber sobre elas opinião Perfeita Plumas da alma poema no limiar da primavera poesia Poet of Sergipe Por quem chora a vela Prosa qual imagem voce deixa de si mesmo Rosa do desejo Selma Mendonça será? Sonhos largados Telenovela avenida brasil Tempo Texto texto tudo começa no primeiro gole Valdira Figueiredo Egoismo Verso vida Voto o quarto poder